O hoje é o agora

O hoje será tão … O agora será perene … dito isso as coisas são o que são, mas também o que não são, uma forma malsã de si.

O hoje é para ser e não ser e o agora só pode ser o eterno que também não é o agora, mas já foi o passado e o presente.

O presente não é eterno: ele passa. O eterno não dura para sempre, pois se torna passageiro, inefável, como um caminho feito a pé até chegarmos em nossas casas e constatarmos, sóbrios e solitários que tudo está onde deveria estar, inclusive as estrelas!, já nosso coração talvez já se tenha perdido num espaço e num tempo a muito tempo esquecido pelo próprio tempo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s